26/06/2017

Ei gente linda, tudo bem com vocês? Hoje venho falar de um assunto tão importante quanto o empoderamento: a saúde! Quem já me acompanha aqui sabe que engordei 40 kg depois que casei, superei o complexo e hoje assumo meu Manequim 52.

Levanto a bandeira contra a gordofobia e os padrões de beleza, MAS, sou totalmente contra aceitar a obesidade e os males que ela pode causar. “Ãn? Como assim? Está contradizendo” . Não, não estou.

A obesidade é o acúmulo em excesso de tecido adiposo ao ponto de ter impacto negativo na saúde podendo trazer inúmeras complicações e levar até a morte.

Querida, morta não dá pra arrasar e sambar na cara da sociedade, não mesmo!

Uma coisa é você estar sobrepeso por n motivos e não conseguir retomar seu corpo antigo de forma natural, ou talvez há problemas com as glândulas e ser gordelícia é sua característica física desde que se entende por gente, outra coisa é você relaxar com sua saúde só porque plus size está na moda.

Muitas se enganam (eu era uma dessas até pouco tempo) achando que ter autoaceitação é sinônimo de “dane-se, estou gorda, serei gorda e vou ficar gorda”. Como o que quiser, visto o que quiser, vivo como quiser e bracinho do “we can do it” pra você”.

Calma aí gata, não é bem assim.  Autoestima é vida, mas saúde também.

Portanto, faça seus exames de rotina, isso é importante! Veja seus índices de glicemia, triglicerídeos, colesterol total, veja como está o fígado, estômago, coração. Não espere chegar em uma situação que vai te obrigar a fazer isso. Exercite! Caminhe, ative a circulação sanguínea.

Não estou dizendo para ser a musa Fitness 2017,  mas trazendo um assunto que as vezes fica ofuscado pela nossa vontade de simplesmente brilhar em um mundo preconceituoso. Ou você acha que a diva Flúvia Lacerda, nossa Plus Queen não cuida daquele corpão?

Então por hoje é só, e nos veremos sempre por aqui, com assuntos voltados para o universo Plus Size. Comenta aqui embaixo o que você achou deste post, afinal, sua opinião é mega importante! Beijo! 

por Klissia Mafra
Compartilhe com os amigos
20 comentários

Leia tambem

  • Como cuidar da pele no frio
  • Como fazer um penteado usando fitas
  • Truques Bizarros: Será que funcionam?
  • 24/04/2017

    Quando uma mulher está acima do peso, sua vontade em se arrumar, tirar fotos, sair, é mínima! Sua autoestima vai lá no chão. Mas a partir do momento em que você deixa de lado o que as pessoas pensam a seu respeito, e começa a se respeitar primeiro, colocar em seu lugar, mostrar seu poder, as coisas começam a mudar.

    dove

    Me chamo Klíssia Mafra, do blog klissiamafra.com, e após o casamento, engordei ao decorrer desses cinco anos, mais de 40 quilos. O início foi o mais difícil, as roupas não serviam mais, e quando ia nas lojas, era um desastre (não aceitava, nem colocava em minha cabeça que o manequim 42 já era).

    Pra piorar, as pessoas me perguntavam: “Você está grávida?“, isso acabava comigo. Até que chegou um momento em que eu não queria mais me arrumar, sair de casa. As minhas roupas já estavam gastas, e não havia um lugar que eu entrasse e me sentisse bem, era como se as pessoas do mundo paravam pra me olhar, mas hoje eu sei que era tudo da minha cabeça.

    Quando não estamos bem com a gente mesmo, nada faz sentido, ainda que haja predominante o preconceito. A pessoas querem padronizar tudo, mas é impossível encaixar duas partes igualzinhas uma na outra de um quebra-cabeça, você me entende?

    Até que um dia, dei em mim e pensei: “Espera lá, pra que estou agindo assim? Eu sou linda“. Comecei valorizar pontos fortes do meu rosto, usar um batom forte na curvinha superior que minha boca tem. Puxar um gatinho e usar muita máscara de cílios, soltar a cabeleira, pois eu andava só de coque.

    Esse foi o início da autoaceitação. Se eu não conseguia emagrecer, aquela seria eu. (PS: Não faço apologia à obesidade, saúde em primeiro lugar, só quero ressaltar a importância da autoaceitação feminina). Passei a seguir mulheres lindas e empoderadas de manequim Plus Size, e enxerguei um novo mundo.

    E sabe aquelas roupas das lojas que não serviam? Fui em busca do meu manequim, o 52. Não tenho vergonha em dizer isso. E quer saber? Aprendi a costurar, pois quando quero algo novo, eu mesma faço!

    CXYV1335

    Não me restrinjo, uso cropped, uso shorts, deixo pernas e braços à mostra, sim. Tiro fotos, faço carão, mando beijinho no ombro aos preconceituosos. O amor próprio é uma das maiores virtudes, pois foi dito: Ame ao próximo, como a TI mesmo.

    Sempre uso uma pequena, porém expressiva frase: “xô ditadura da beleza“! Somos livres. Então é isso gente linda, nos veremos por aqui sempre com dicas incríveis sobre moda Plus Size. Super beijo 🙂 Ah! Sou finalista do EBSA Awards, vote em mim → neste link cheio de amor ←.

    Acompanhe o trabalho da Klíssia no ← BLOG | INSTAGRAM | FACEBOOK

    por Klissia Mafra
    Compartilhe com os amigos
    28 comentários

    Leia tambem

  • Óleos Essenciais em Benefício da Pele
  • Dicas de beleza para fazer EM CASA!
  • Usando Máscaras Avenca no Spa Day
  • 27/03/2017

    Usar fitas no cabelo é um toque a mais que te deixa com o penteado mais charmoso. Essa dica é ótima para os dias em que quer caprichar, mas está sem tempo para uma produção caprichada.

    fita-no-cabelo-

    Nesses momentos, um penteado com fitas cai super bem, seja nos momentos sem tempo ou até mesmo para agregar mais valor no seu estilo. E o melhor, gastando bem pouco!

    como fazer um penteado diferente usando fitas

    A primeira dica é para o penteado mais prático possível. A fita deve ter de 03 a 04 centímetros de largura, se quiser pode ser mais fina ou mais grossa, depende do gosto. Após pentear os cabelos, passe a fita em volta no sentido da nuca, por baixo dos cabelos, para cima, depois faça um belo laço para finalizar.LEIA MAIS >>

    por Carolina Rabêlo
    Compartilhe com os amigos
    22 comentários

    Leia tambem

  • Dicas de beleza para fazer EM CASA!
  • Xô ditadura da beleza
  • Óleos Essenciais em Benefício da Pele